5 dicas para umidificar o ar da sua casa

O dia 21 de junho marca o início do inverno, e, com ele, chega o momento de tirar os casacos do armário e aproveitar as temperaturas mais amenas. No nosso país tropical, o frio pode ser um alívio do calor excessivo, porém ele também traz algumas dificuldades.

Um dos maiores problemas dessa estação é a baixa umidade do ar, que acarreta vários malefícios para a saúde. Por isso, vale a pena tomar um cuidado extra nessa época. Com precauções simples e atitudes diárias, você consegue umidificar o ar da sua casa e evitar transtornos causados pelo clima seco característico do inverno.

Os malefícios do clima seco

Nosso corpo não reage muito bem a um clima com umidade muito baixa, que causa diversas implicações práticas para a saúde. Como o clima está muito seco, perdemos água para o ambiente, causando o ressecamento de várias partes do corpo e propiciando quadros de desidratação. Entra aí a importância de  umidificar o ar.

A taxa ideal definida pela OMS (Organização Mundial de Saúde) de umidade relativa do ar para que o corpo funcione bem é de 60%. Porém, em dias secos, esse valor pode chegar a 40%, ou, até mesmo, 20% em algumas regiões. Isso pode causar o ressecamento da pele, crises alérgicas, sangramentos no nariz, irritação nos olhos, resfriados, indisposição, etc.

Como umidificar o ar da sua casa

Para evitar os problemas descritos anteriormente, é importante se proteger  dos efeitos indesejados do clima seco. Umidificar o ar de sua residência e dos locais onde você passa muito tempo é a principal forma de se prevenir. Com pequenas ações você melhora sua qualidade de vida e evita certos problemas de saúde. Confira quais são elas:

  1. Cuidado com a limpeza

Com esse clima, tudo fica mais seco, aumentando a poeira que toma conta de vários espaços na nossa casa. Isso dificulta muito o processo de limpeza e só piora o estado das pessoas que têm alergia e rinite, que já estão mais sensíveis nessa estação. Para evitar isso, basta seguir alguns passos na hora de realizar a limpeza da sua casa e caprichar bastante.

A primeira ação é evitar o uso de vassouras e espanadores, optando por panos úmidos, ou aspiradores de pó para recolher a sujeira de regiões de difícil acesso. Evitar objetos que acumulem poeira e limpá-los sempre que possível também é uma ótima opção. Por fim, um grande vilão pode ser sua roupa de cama, que acumula poeira e ácaros. Lave-as com bastante frequência e veja a diferença.

  1. Use plantas purificadoras

Ter o ar da casa limpo e purificado também auxilia muito quando o assunto é umidificar o ar. Algumas plantas têm a capacidade de melhorar o ar de um ambiente, além de servirem de decoração. Elas são conhecidas como plantas purificadoras e são fáceis de ser encontradas. Alguns exemplos são as língua de sogra ou espada de são jorge, antúrio, aloe vera, ficus e samambaia.

  1. Espalhe toalhas molhadas e recipientes com água

Essa é aquela solução de avó, mas que continua funcionando muito bem até hoje! Distribua recipientes cheios de água pelos ambientes da sua casa ou então deposite toalhas molhadas na cabeceira da sua cama, em encostos de cadeira ou outros lugares em que você for ficar. Isso ajuda a umidificar o ar e ainda traz um alívio para aquelas pessoas que sofrem com problemas respiratórios.

  1. Ventilação é a palavra!

Uma casa abafada contribui ainda mais para que o ar fique seco no seu interior. É importante deixar as janelas abertas sempre que possível, mantendo os ambientes arejados. Caso você possua um aparelho de ar condicionado, é uma ótima saída deixá-lo desligado. Além de economizar, você ainda garante um ar mais agradável para seu lar.

Aparelhos que ajudam muito na tarefa de umidificar o ar são os os ventiladores de teto, que podem ser usados no modo de exaustor. Só tome cuidado para não ligar no modo ventilar e levantar ainda mais a poeira!

  1. Se nada funcionar, use um umidificador

Se mesmo com todas essas essas opções mais caseiras, a situação da umidade da sua casa não for resolvida, então pode ser a hora de comprar um umidificador de ar. Esses aparelhos são muito eficientes e ajudam as pessoas a dormir melhor e viver um dia mais agradável. Ele é especialmente indicado para quem tem crises alérgicas frequentes, asma, nariz entupido, garganta seca e tosse constantes.

Outros cuidados a se tomar no clima seco

Umidificar o ar é apenas uma das preocupações no clima seco que o inverno traz consigo. Existem outros cuidados que se deve tomar com a saúde nessa estação, e para conseguir curtir a vida ao máximo e aproveitar o friozinho sem adoecer, é interessante seguir essas indicações.

Beber água, além de hidratar o corpo, diminui os efeitos do clima seco. Além disso, evite a exposição solar, não fazendo exercícios nos horários mais quentes do dia. Carregar sempre consigo um hidratante e um protetor labial para se hidratar também ajuda .

Gostou das dicas? Saiba como viver ainda melhor com o apoio dos seus vizinhos do condomínio, sempre trocando informações entre os moradores. Entenda neste texto do nosso blog como criar uma rede de vizinhos.




Veja também


Vale a pena investir em móveis planejados?

Vale a pena investir em móveis planejados?

Um dos momentos mais aguardados quando se compra um apartamento novo é, sem dúvida, escolher a decoração e móveis que vão compor o seu lar. São milhares de opções para seguir, lugares para procurar e modelos para se montar o mobiliário da casa. E são esses toques que...

Betim ou Contagem: Qual a melhor cidade para morar?

Betim ou Contagem: Qual a melhor cidade para morar?

A compra da casa própria é, com certeza, um passo muito importante na conquista da independência. As pessoas se esforçam anos e anos para alcançar esse objetivo. Porém, para que esse sonho não se torne um pesadelo, é importante ter certeza que está fazendo a escolha...