Encontre seu VIC

Como criar uma rede de vizinhos para troca de informações

Hoje em dia é comum vermos cada vez mais pessoas morando sozinhas ou passando pouco tempo em casa. Muitas delas estudam, trabalham ou não ficam em casa por outros motivos. Pensando nisso, existem bairros ou grupos que criam redes de vizinhos para troca de informações. Trata-se de um grupo de pessoas que se une para se ajudar de diversas formas, seja por segurança, troca de favores, ou até mesmo informações gerais que elas têm em comum, como problemas nas ruas do bairro, etc.

No artigo de hoje, preparamos algumas dicas para você que está pensando em criar uma rede de vizinhos para troca de informações. Basta unir as pessoas e determinar que tipo de comunicação o grupo terá.

Use a tecnologia a seu favor

WhatsApp e Facebook estão em alta. Que tal reunir as pessoas que moram perto de você e criar um grupo com todas as pessoas? Os grupos online podem ajudar a garantir que todo mundo estará por dentro do que acontece no local onde moram. Se um vizinho for assaltado, por exemplo, todos ficarão sabendo mais rapidamente e poderão se prevenir.

Assuntos mais comuns e frequentes também podem ser pautados. Faltou água? É só se comunicar e descobrir se o problema é comum ou atinge somente a uma pessoa. Faltou energia elétrica? A mesma coisa pode ser feita.

Segurança

Você já ouviu falar na Rede de Vizinhos Protegidos? A Polícia Militar de Minas Gerais desenvolve, junto com os moradores, um trabalho que proporciona segurança para todas as pessoas do bairro. A PM realiza visitas rotineiras e cada morador funciona como uma câmera viva, dando suporte uns aos outros. O conjunto de ações entre moradores e Polícia Militar já está presente em todas as regiões de Belo Horizonte e em mais de mil bairros em toda Minas Gerais.

Reuniões

A rede de vizinhos para troca de informações também pode ser útil quando algumas pessoas não podem participar da reunião de condomínio ou de alguma reunião que ocorra no seu bairro. As informações podem ser repassadas tanto online como no boca a boca. Basta a integração com os outros moradores para as informações serem repassadas.

E não é apenas isso, tem também a via inversa. Quando há uma rede integrada de pessoas, marcar as coisas pode ser mais fácil e rápido. Quando vai ter uma reunião pode ser criado um evento no Facebook, um convite no Google Agenda, ou até mesmo ser enviada uma mensagem para todas as pessoas que participam dos grupos online.

Diversão

Muitas das vezes os vizinhos são as pessoas mais próximas que temos no nosso dia a dia. Então, por que não se divertir junto com eles? As confraternizações aproximam as pessoas e criam laços de amizade que ficam por muito tempo. A rede de vizinhos para troca de informações poderá ficar mais unida e eficaz. As confraternizações podem ser das mais simples até as mais elaboradas, como aniversários ou festas de formatura.

Gostou das nossas dicas? Compartilhe o nosso post e crie você também uma rede de vizinhos para a troca de informações no seu bairro, prédio ou condomínio.




Veja também


Taxa de condomínio: Entenda o que é e como funciona

Taxa de condomínio: Entenda o que é e como funciona

A taxa de condomínio é um recurso essencial para a manutenção e o funcionamento da estrutura compartilhada pelos moradores de um prédio. No entanto, é uma despesa que ainda gera dúvidas em muitas pessoas, principalmente em relação ao uso e composição da mensalidade. É...